Será?

  • Vamos fazer a diferença entre 521 e o número que obtemos invertendo a ordem de seus dígitos.
    Em seguida, vamos somar essa diferença com o número que obtemos invertendo a ordem de seus dígitos.
  • Agora, vamos aplicar o mesmo procedimento a partir do número 411:

Isso foi uma coincidência ou o procedimento apresentado resulta sempre em 1089, independentemente do número de três dígitos que seja utilizado?

Desafio2

Reúnam seus Clubes e tentem resolver o problema.
Mas se não conseguirem, não faz mal: visitem o nosso Fórum restrito, entrem na Sala de Problemas, procurem pelo tópico deste problema e postem lá as suas dúvidas.
Os nossos Moderadores com certeza irão lhes ajudar!
Bons estudos!

Link permanente para este artigo: http://clubes.obmep.org.br/blog/2020/04/sera/

2 comentários

  1. O procedimento apresentado resulta sempre em 1089, independentemente do número de três dígitos que for utilizado, a não ser que esse número seja formado por três algarismos iguais, como por exemplo, 111, 222, 333… , 999.

    1. Poderia explicar com mais detalhes sua conclusão? Por que dá sempre 1089 se não forem todos algarismos iguais?

Deixe uma resposta