«

»

dez 04

Imprimir Post

Taxa de juros

João tem [tex]R\$\ 1\ 000,00[/tex] aplicado em um Fundo de Aplicações e, no mesmo mês, fez uma dívida de [tex]R\$\ 1\ 000,00[/tex] em seu cartão de crédito.

Para atualizar (corrigir) valores monetários ao longo do tempo, pode-se utilizar o regime de capitalização de juros compostos. É válida a seguinte relação matemática:

[tex]M=C\cdot (1+i)^n[/tex]

em que [tex]M[/tex] é o montante; [tex]C[/tex] é o capital; [tex]i[/tex] é a taxa de juros e [tex]n[/tex] é o número de períodos de capitalização. Por exemplo, aplicando-se o capital de [tex]R\$\ 100,00[/tex] à taxa de [tex]5\%[/tex] ao mês, por um mês, obtém-se o montante de [tex]R\$\ 105,00.[/tex]

A tabela abaixo contém valores para o termo [tex](1+i)^n[/tex] para [tex]i[/tex] e [tex]n[/tex] selecionados.

Utilize as informações do enunciado para responder às seguintes questões:

a) Se o Fundo de Aplicações em que se encontra o dinheiro do João rende a uma taxa de [tex]1\%[/tex] ao mês, qual o valor que o João teria após dez anos?

b) Se a taxa de cartão de crédito do João é de [tex]5\%[/tex] ao mês, qual seria a dívida de João após dez anos.

c) A diferença de valores de a) e b) é equivalente aos mil reais renderem à uma taxa de juros [tex]5\%-1\%=4\%[/tex] durante dez anos?

Probleminha2

Reúnam seus Clubes e tentem resolver o problema.
Mas se não conseguirem, não faz mal: a partir do dia 7, próxima quinta-feira, deem uma passadinha na Sala de Problemas do Fórum e procurem pela dica para este problema.
Resolvido o problema, postem suas soluções no Blog para que todos tenham acesso a elas.
Bons estudos!

Link permanente para este artigo: http://clubes.obmep.org.br/blog/2017/12/taxa-de-juros/

Deixe uma resposta